Gestão ambiental

Materiais

As operações da Braskem, da Odebrecht Engenharia & Construção e da Odebrecht Agroindustrial utilizam elevadas quantidades de matérias-primas e insumos em seus processos produtivos, o que torna o tópico “Materiais” relevante na gestão da sustentabilidade.

A colheita mecanizada na Unidade Santa Luzia, também no Mato Grosso do Sul
 

Na Odebrecht Agroindustrial, a matéria-prima principal é a cana-de-açúcar. As unidades vêm melhorando significativamente sua produção, a qualidade do processo e as técnicas, buscando extrair o máximo dos canaviais implantados, o que se reflete no aumento da cana processada e na maior produção. Já outros materiais, como herbicidas e inseticidas, apresentaram aumentos de consumo devidos a reformas de canaviais e eventuais surtos de pragas.

Materiais diretos não renováveis, como nafta, condensado, etano, propano, HLR e o cloreto de sódio, são insumos básicos nas operações da Braskem. Também é utilizado etano fabricado a partir do etanol de cana-de-açúcar para produzir eteno de fonte renovável, reduzindo assim a demanda por insumos fósseis. Em suas unidades industriais, a empresa maximiza o reúso de matérias-primas por meio de processo interno de reciclagem.